toto togel 4d situs toto togel situs togel slot deposit pulsa slot gacor 4d data keluaran hk bandar togel terpercaya situs toto toto togel situs togel bandar togel terpercaya

Arte sergipana em destaque

Conheça alguns dos artistas em evidência na Mostra Aracaju

Fotos: Xico Diniz e Arquivo Mostra Aracaju

Sergipe tem riquezas múltiplas que inspiram as artes e imprimem singularidade à nossa cultura. Nossos talentos criam preciosidades que revelam um DNA próprio e nos conectam com o mundo.

Utilizando linguagem contemporânea, com técnicas e matérias-primas plurais, nossas expressões artísticas rompem as barreiras do regionalismo e conquistam apreciadores em diversos cantos do mundo. E como não poderia ser diferente, a Mostra Aracaju, mais uma vez, exalta a nossa sergipanidade e coloca em destaque os artistas que nasceram ou adotaram o nosso Estado como lar.

“Estamos sempre conectados com o novo e com a cena cultural de Sergipe. A cada edição, temos o privilégio de acolher preciosidades criadas por artistas da terra. Esse é um dos aspectos que conferem singularidade e autenticidade ao nosso morar e não poderia ficar de fora da nossa exposição”, pontua a fundadora da Mostra Aracaju, Mercês Souza.

Thiago Moura

O arquiteto tem as artes plásticas como hobby e suas telas exalam contemporaneidade   

A grande maioria dos arquitetos, designers e paisagistas que integram o nosso casting é formada por sergipanos ou profissionais graduados em Sergipe, sendo 23 deles formados na Universidade Tiradentes. Nesta 11ª edição, outros grandes talentos como Lucas Lemos, Fábio Sampaio, Gil Apolinário, Gilton Rosas, Leonardo Santana, Reinaldo, Zeus, Véio e Caã brindam o público com suas artes e trazem ainda mais beleza, originalidade e emoção aos ambientes.

Fábio Sampaio

Os traços modernos e o colorido único do artista paulista, que escolheu Aracaju como lar, têm presença marcante

Nesta edição da Mostra, as tradicionais telas a óleo e acrílico cedem espaço a fotografias, gravuras, esculturas, arte popular e objetos que aguçam memórias afetivas diversas. A maioria das obras tem como inspirações a natureza – em suas formas, cores, texturas e movimentos -, o ser humano e a relação entre esses organismos vivos.

Lucas Lemos

A obra ‘Imaculado Coração em Nós’ emana poesia e emociona

O artista plástico e arquiteto em formação é desses talentos instigantes. Ele produz calçados e acessórios em couro e obras que arrebatam o coração. Não por acaso, vem conquistando o país e o mundo. Na última temporada de moda, suas criações calçaram os modelos da grife baiana Meninos Rei na São Paulo Fashion Week e em Milão.

A sua arte em couro é fruto da curiosidade e inquietação que o impulsionam na busca por possibilidades de valorização da nossa cultura através dessa matéria-prima multifacetada, resistente e transcendental, cuja materialidade sempre esteve presente na história do Estado, principalmente no fortalecimento da economia sergipana.

Gil Apolinário

Espelho e Árvore da Vida em metal e esculturas em corda, linhas, madeira e tampas plásticas recolhidas das margens do Rio Sergipe revelam a conexão do artista com a natureza e a sustentabilidade

O destacado florista e decorador de festa também leva a sua arte para os lares brasileiros por meio de telas, esculturas, cocares e adornos criativos. Seus trabalhos em corda revestida com linhas, metais e matérias-primas naturais como madeira e palha emanam brasilidade.

Leonardo Santana

Fotografia de Leonardo Santana e telas de Gil Apolinário imprimem um colorido especial e exaltam a contemporaneidade do ambiente projetado pela arquiteta Lilia Duarte

A fotografia sempre teve forte presença na vida do administrador. Por volta dos 12 anos, Leonardo Santana já registrava as viagens e o cotidiano, mas a iniciativa de compartilhar o seu talento com o público só aflorou com a maturidade. Curioso e autodidata, ele tem um trabalho plural e não se limita a temas. “Curto muito explorar a fotografia de longa exposição e a criação de obras abstratas”, revela o artista cuja arte tem rompido fronteiras, chegando até Viena, na Áustria.

Aqui na Mostra Aracaju, Leonardo Santana brinda o visitante com uma imagem singular, produzida a partir do pedido da arquiteta Lilia Duarte, que buscava uma obra de arte para representar a personalidade de Abílio Guimarães, homenageado do Party Deck.

Gilton Rosas

Com seu olhar artístico, o fotógrafo captura imagens da natureza de maneira singular

Foi durante o curso de arquitetura, em 2014, que Gilton Rosas descobriu o seu apreço pela fotografia. De lá para cá, o aracajuano aperfeiçoou sua técnica e, desde 2018, dedica-se à fotografia para decoração de ambientes, em padrão Fine Art, e já teve sua arte exposta até em Viena, na Áustria.

Elias Santos

A imponente escultura de Elias Santos dá boas-vindas aos visitantes

O aracajuano Elias Santos começou a fazer seus primeiros desenhos ainda criança, graduou-se em História, estudou na Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia e se especializou em desenho da figura humana nos Estados Unidos. Nos anos 1990, iniciou sua pesquisa com esculturas, tornando-se um artista visual múltiplo – desenhista, pintor, escultor e xilogravador -, premiado em salões de arte pelo país afora.

Pluralidade artística

Seja utilizando técnicas eruditas ou os saberes passados de geração a geração, a nossa gente manifesta a sua arte de formas diversas. As esculturas, aquarelas, ilustrações, adornos e demais expressões são dotadas de originalidade que conferem singularidade aos lares mundo afora.

compartilhe essa matéria via:

©2022. Todos os direitos reservados a Mostra Aracaju.